Menu
Modelos
Menu
Testes WLTP para veículos Porsche

Testes WLTP para veículos Porsche

Testes WLTP

Os Procedimentos de teste mundial harmonizados para veículos ligeiros (WLTP) são a substituição dos testes do Novo ciclo de condução europeu (NEDC), que estiveram em vigor até 1 de setembro de 2018. Ambos os testes foram concebidos para medir as emissões de escape e o consumo de combustível. O ciclo de testes WLTP baseia-se em dados em tempo real recolhidos em todo o mundo durante a utilização em estrada - dando uma melhor representação dos perfis de condução quotidianos. Cada veículo produzido para o mercado da UE é fornecido com um Certificado de Conformidade (documento CdC) que, para além de outras informações, inclui os valores de emissões de CO2 do teste de laboratório. Com base neste documento, o registo do veículo é possível em qualquer ponto da Europa.

Perguntas sobre pontos técnicos básicos

1. O que significa WLTP?

WLTP é a sigla de «Worldwide Harmonized Light-Duty Vehicles Test Procedure» (Procedimento de teste mundial harmonizado para veículos ligeiros). É o procedimento de teste na UE para os valores de emissão de escape e de consumo de combustível para novos tipos de veículos, aplicável a partir de setembro de 2017. Este procedimento de teste está em vigor para aprovações de novos tipos para veículos de categoria M e N1 na União Europeia desde 01-09-2017, e para todos os novos veículos desde 01-09-2018.

2. O que significa NEDC?

NEDC é a sigla de «New European Driving Cycle» (Novo ciclo de condução europeu), e era o ciclo de teste previamente aplicável para determinar os valores de emissão de escape e de consumo de combustível na UE e em alguns países do resto do mundo.

3. Qual é a diferença entre os métodos de medição?

Enquanto no teste anterior, ou seja, o Novo ciclo de condução europeu (NEDC), os valores de teste baseavam-se num perfil de condução sintético, o ciclo WLTP (WLTC) baseia-se em dados em tempo real recolhidos em todo o mundo durante a utilização em estrada. Permite, assim, uma melhor representação dos perfis de condução quotidianos.

O NEDC baseia-se em duas fases de perfil de condução: urbano e extraurbano. Com base nestes perfis, obtêm-se os valores combinados de CO2 e de consumo de combustível, bem como as emissões de poluentes combinadas.

O ciclo de condução WLTP está dividido em quatro partes, com diferentes velocidades médias: baixa, média, alta e extra alta. Cada peça inclui várias fases de condução, paragem, aceleração e travagem.

Além do perfil de condução, o procedimento de medição foi adaptado à tecnologia de veículo atual com o WLTP. As especificações, por exemplo, a que temperatura o veículo deve ser testado ou que pressão do pneu deve ser definida, são definidas de forma mais rígida.

O novo ciclo de teste e o novo procedimento de teste são caracterizados pelo seguinte:
Ciclo de condução mais realista
Gama mais ampla de velocidades de veículo/tipos de velocidades de veículo (urbano, extra urbano, autoestrada), proporcionando ao cliente dados de consumo de combustível específicos para cada tipo de velocidade dentro do teste WLTP
Pista de teste mais comprida
Temperaturas ambiente mais realistas, mais próximas da média europeia (para além do teste a 23 ºC, será introduzido um teste a 14 ºC, que reflete a temperatura média na UE)
Velocidades média e máxima mais altas
Fases de aceleração e travagem mais dinâmicas e representativas
Período de paragem mais curto em relação à duração do ciclo
Consideração de equipamento de veículo opcional: Especificação de valores CO2 e consumos de combustível para cada veículo individualmente configurado, tendo em conta equipamento adicional (spoiler, tejadilho, gancho do reboque, etc.)
Limitação das tolerâncias de medição
Para uma especificação obrigatória dos valores no pior cenário (veículo alto), é possível determinar um melhor cenário (veículo baixo) e interpolar os valores específicos do veículo e os dependentes do equipamento.

4. Quais são as vantagens do WLTP?

Devido a todas estas alterações, o WLTP proporciona uma base mais realista para a determinação do consumo de combustível e dos dados de emissões para veículos. O teste WLTP foi desenvolvido com o objetivo de padronizar a determinação de emissões de poluente e de CO2, bem como os dados de consumo de combustível através da sua utilização como um ciclo de teste global. O «núcleo» do teste WLTP é o mesmo em todo o mundo. No entanto, a União Europeia e outras regiões adaptá-lo-ão aos regulamentos e requisitos específicos respetivos do trânsito na estrada. Existem também vários países que não aplicarão o WLTP como, por exemplo, os EUA.

5. O WLTP irá pôr fim à discrepância entre os valores medidos em laboratório e os atingidos durante a condução em estrada? /Qual é a diferença entre WLTP e NEDC? /Qual é a diferença entre os métodos de medição?

Espera-se que o WLTP reflita as condições de estrada existentes de forma mais realista que o NEDC, mas não cobrirá todas as variações possíveis. Além disso, cada condutor individual continuará a ter um estilo de condução muito pessoal: enquanto uma pessoa acelera mais rapidamente, curva mais rapidamente ou trava mais abruptamente, outra conduz de forma mais defensiva. Além disso, durante a operação real, as condições climatéricas (por exemplo, vento vindo de trás ou da frente, temperaturas ambiente diferentes), a utilização (carga total, utilização de reboque), cargas auxiliares (por exemplo, rádio, ar condicionado, etc.), altitude, inclinações e perfis de estrada (apenas deslocações curtas, apenas autoestrada, etc.) são fatores adicionais que afetam significativamente o consumo de combustível.

Tendo em conta as diferenças em relação ao comportamento de condução, situação do trânsito e condições meteorológicas nos países individuais, que continuarão a aplicar-se no futuro, os desvios entre as emissões medidas em laboratório e em condições reais também persistirão. No entanto, porque não existe na prática um valor de emissões e de consumo de combustível «real», apenas é possível fazer comparações diretas das emissões e do consumo de combustível dos vários modelos de diferentes fabricantes de automóveis utilizando valores medidos obtidos durante testes em laboratório padronizados.

6. Que valores (WLTP) são medidos no posto de teste de rolos?

Durante os testes em laboratório no contexto da aprovação de veículos de passageiros do tipo europeu, são medidas as emissões de CO2, que têm uma relação direta com o consumo de combustível, os valores de emissões de poluentes e de consumo de combustível em conduções alternativas, incluindo veículos com condução elétrica.

7. O que é a aprovação de tipo?

Os testes em laboratório desempenham um papel decisivo no processo de introdução de um veículo a motor no mercado da UE. Antes do lançamento de veículos no mercado, estão sujeitos a determinados testes por um serviço técnico de acordo com a legislação da UE. Se todos os requisitos relevantes para registo forem cumpridos, uma autoridade nacional emite para o fabricante um formulário de aprovação de tipo da UE a autorizar a venda daquele tipo de veículo em particular na UE. Cada veículo produzido para o mercado da UE é fornecido com um Certificado de Conformidade (o chamado documento CdC) que, para além de outras informações, inclui os valores de emissões de CO2 do teste de laboratório. Com base neste documento, o registo do veículo é possível em qualquer ponto da Europa.

8. Como pode o motorista saber quais as emissões de CO2 produzidas pelo veículo?

Para permitir aos motoristas tomarem uma decisão de compra bem fundamentada com base no consumo de combustível, os concessionários e fabricantes de automóveis fornecem ao consumidor a informação relevante, incluindo uma indicação das emissões de CO2 e do consumo de combustível de um automóvel de passageiros, exibido em ou perto de todos os novos veículos nas salas de exposição. O desenho destes rótulos é especificado a nível nacional (diferindo, assim, de país para país). No entanto, todos incluem os valores de CO2 dos testes padronizados em laboratório, que estão também incluídos no Certificado de Conformidade (documento CdC).

9. Qual é a ligação entre as emissões de CO2 e a tributação?

Na maior parte dos Estados-Membros, o valor da taxa de registo (única) e/ou do imposto do veículo (anual) depende das emissões de CO2 do veículo. Esta tributação baseia-se nos valores de CO2 obtidos durante os testes de laboratório incluídos no Certificado de Conformidade (documento CdC).

Questões relevantes para o cliente

1. De acordo com o método WLTP, os resultados do teste CO2 serão mais elevados. Isto significa que o meu consumo de combustível aumentou?

Na prática e com a tecnologia não modificada, o consumo real de combustível não alterará. Para o mesmo veículo, o teste WLTP resultará em valores de CO2 e de consumo de combustível mais elevados do que o teste NEDC, pela simples razão de que os perfis de condução e as condições de medição (velocidades máximas, dinâmicas, etc.) diferem entre os dois ciclos de teste. Isto significa que o WLTP é mais representativo das condições de trânsito atuais do que o NEDC. Assim, o valor de CO2 de acordo com o WLTP corresponde de forma mais aproximada às expectativas do cliente relativamente aos métodos de medição alterados.

2. O teste WLTP afetará o custo do meu imposto sobre o veículo?

Na maior parte dos Estados-Membros, o valor da taxa de registo (única) e/ou do imposto do veículo (anual) depende das emissões de CO2 do veículo. O novo procedimento de teste será provavelmente tido em conta para a nova tributação de veículos a partir de 01-09-2018. A adaptação da tributação sobre o CO2 é a prerrogativa dos Estados-Membros individuais da UE, e é assim regulada na lei nacional aplicável.

3. Como é possível um automóvel de passageiros ter subitamente dois valores de CO2 diferentes?

Antes do início do período de transição do NEDC para o WLTP, que começou a 01-09-2017, apenas os valores de CO2 medidos de acordo com o teste NEDC continuam a aplicar-se para todos os veículos registados.

Quando um novo automóvel é aprovado relativamente ao tipo após 01-09-2017, o Certificado de Conformidade oficial do veículo contém os valores de emissões de CO2 de acordo com o novo teste de laboratório (WLTP), bem como os valores NEDC simulados utilizando a ferramenta de correlação ou medidos realmente utilizando o teste NEDC atualizado.

Em conformidade, após 01-09-2017, quando a mudança do antigo teste NEDC para WLTP estiver concluída, poderá encontrar valores CO2 diferentes no documento CdC para o seu veículo. A partir de 01-09-2018, tanto os valores CO2 NEDC como os WLTP deverão estar indicados em todos os veículos novos. A partir de 2021, espera-se que apenas o valor WLTP esteja indicado no CdC.

A indicação dos valores WLTP ao cliente ainda não foi programada, e será determinada para cada país.

4. Quando entrarão em vigor as alterações?

O pacote legislativo WLTP é totalmente válido a partir de 27-07-2017. Isto significa que, a partir de 01-09-2017, os novos tipos de veículo serão aprovados relativamente ao tipo de acordo com o WLTP. A partir de 01-09-2018, todos os novos veículos (novos registos) serão aprovados relativamente ao tipo de acordo com o WLTP. Existem provisões legais instauradas para veículos de final de série, que possibilitam ter em stock um número limitado de veículos aprovados de acordo com o procedimento antigo, e vendê-los até 31-08-2019.

5. Por que razão a Porsche não indicou até à data qualquer valor WLTP?

A Porsche é incapaz de indicar valores WLTP, porque nenhum novo modelo Porsche foi aprovado relativamente ao tipo de acordo com o novo procedimento. Além disso, a legislação ainda não tornou obrigatória a utilização dos valores WLTP em comunicações ao cliente. No entanto, até uma alteração do «PKW Energieverbrauchskennzeichnungsverordnung» (regulamento de consumo para rotulagem energética de automóveis), é obrigatória a especificação dos valores NEDC.

6. A Euro 6d-Temp aplica-se a partir do outono de 2017. O meu veículo cumpre esta norma de emissão?

A norma Euro 6d-Temp será válida para veículos novos aprovados relativamente ao tipo a partir de 01-09-2017. Isto significa que todos os novos modelos apresentados aos legisladores para aprovação relativamente ao tipo devem cumprir esta norma de emissões.

As aprovações/os registos de tipo que já foram concluídos continuam válidos ao abrigo da lei atual, mesmo que entrem em vigor novas normas.

7. Por que é que a Porsche ainda não está a fabricar veículos que correspondam às normas novas já familiares (por exemplo, a Euro 6c)?

No contexto dos ciclos do modelo, garantimos que todos os nossos veículos cumprem as normas e regulamentos exigidos pelos legisladores ao longo de toda a duração da venda e entrega. Infelizmente, não pode ser garantido que as normas futuras sejam tidas em consideração durante todo este período.

8. Gostaria que a Porsche confirmasse que não estarei em desvantagem caso o meu veículo não cumpra as novas normas. /Tenho de submeter o meu Porsche antigo a um novo teste?

Somos incapazes de fornecer uma confirmação mais alargada relativamente a mudanças às condições de enquadramento legal ou regional.

9. Para que veículos se aplica a restrição de entrada no caso de um alarme de matérias de partículas na cidade de Estugarda?

O Tribunal Administrativo Federal de Leipzig rejeitou a revisão dos condados de Nordrhein-Westfalen e Baden Wuerttemberg em relação às decisões dos tribunais administrativos em Duesseldorf e Estugarda a 27-02-2018. Desta forma, a ação judicial da Agência Ambiental Alemã (Deutsche Umwelthilfe) foi predominantemente sustentada. Assim, os municípios podem impor restrições à condução, sem o requisito de enquadramento legal existente do governo federal. Sem dúvida que aceitamos a decisão dos juízes, mas lamentamos a incerteza daí resultante para os nossos clientes. De acordo com a decisão, os condados podem decidir instaurar proibições de condução para determinados veículos. Os critérios em que estas proibições se basearão ainda não foram especificados e serão provavelmente diferentes de condado para condado. Para declarações adicionais e concretas, será necessário aguardar pelas determinações necessárias dos condados. Assim, não poderemos fornecer qualquer declaração relativa a modelos ou cidades possivelmente afetados, uma vez que os regulamentos que o definem ainda não são conhecidos.

10. Posso readaptar o meu veículo da Euro 5 para a Euro 6?

De acordo com o estado atual, não é possível readaptar um Porsche para uma norma mais atual, mantendo os nossos padrões de qualidade e segurança.

11. Certamente que a Porsche deveria fazer todos os esforços para garantir que posso continuar a utilizar o meu veículo Euro 5 sem restrições.

A Porsche segue muito de perto o debate político e dos média em volta da identificação de veículos com baixas emissões - incluindo todas as consequências potenciais para a frota atual de veículos. Essencialmente, acolhemos e apoiamos considerações que sirvam para benefício e proteção dos cidadãos. Em conformidade, todos os modelos atuais cumprem as normas Euro 6 e, dessa forma, cumprem os requisitos mais recentes. Além disso, a Porsche apoia as medidas alargadas do Grupo Volkswagen, que foram acordadas durante o «National Diesel Forum», com a finalidade de melhorar a qualidade do ar nas cidades.

12. Poderei obter o disco azul junto da Porsche? Nota: O disco azul não existe.

A Porsche segue muito de perto o debate político e dos média em volta da identificação de veículos com baixas emissões - incluindo todas as consequências potenciais para a frota atual de veículos. Essencialmente, acolhemos e apoiamos considerações que sirvam para benefício e proteção dos cidadãos. Em conformidade, todos os modelos atuais cumprem as normas Euro 6 e, dessa forma, cumprem os requisitos mais recentes.

Ao mesmo tempo, pedimos que tenha em conta que está fora das nossas mãos oferecer soluções que ainda estão em discussão, e que não foram claramente definidas até à data. Esperamos que a nossa referência à atenção que prestamos a este tópico torne evidente que a Porsche está preocupada com possíveis otimizações do desempenho de emissões dos nossos veículos, bem como com a legislação correspondente.

13. Quando estará disponível o filtro de partículas para todos os modelos Porsche (modelos a gasolina)? Está disponível uma retroadaptação?

Tenha em conta que não podemos neste momento fazer afirmações específicas sobre uma possível retroadaptação de veículos já registados em relação a atualizações de modelo. No entanto, pode ter a certeza de que a Porsche está a monitorizar de perto a tecnologia e a legislação em mudança constante nesta área, e responderá em conformidade.

14. Quando poderei adquirir veículos Porsche que cumpram a norma Euro 6c?

A legislação estipula que os registos para todos os veículos novos a partir de 01-09-2018 apenas serão possíveis com, pelo menos, a Euro 6c.

15. O que é um filtro de partículas de gasolina? (PPF)

Um filtro de partículas de gasolina é um filtro de partículas para motores a gasolina. Reduzirá as emissões de matéria de partículas de fuligem fina.

16. Para que é que o meu veículo precisa de um PPF?

Até à data, os filtros de partículas só são familiares nos motores a gasóleo; no entanto, a tecnologia de injeção direta, que é cada vez mais utilizada nos motores a gasolina, aumenta as emissões de matéria de partículas em comparação com a injeção de coletor de admissão. Uma vez que o combustível é injetado diretamente na câmara de combustão, podem depositar-se gotículas individuais nas paredes dos cilindros, nos êmbolos ou válvulas, onde entram em combustão parcial e incompleta, permanecendo como partículas de fuligem ínfimas.[1]

[1] t-online.de report: VW bringt Partikelfilter für Benzinmotoren (VW introduz filtros de partículas para motores a gasolina) 03/08/2016, 16h42. | Hanne Schweitzer, SP-X

17. Que efeitos tem o PPF sobre a vida útil do veículo, particularmente do motor? /Quão intensiva é a manutenção do PPF?

Tal como acontece com os filtros de partículas já utilizados nos veículos a gasóleo, não antecipamos qualquer alteração da vida útil dos veículos a gasolina que utilizem um filtro de partículas.

Não é necessária ou nem está prevista qualquer manutenção. Não existe qualquer efeito sobre a vida útil do motor, uma vez que os respetivos limites termodinâmicos e mecânicos não são ultrapassados. Como regra, a regeneração do filtro é passiva, para que o condutor não se aperceba quando ocorre. Apenas no caso de operação prolongada do veículo em cargas de motor muito baixas, em conjunto com distâncias curtas e arranques a frio frequentes, serão configurados os parâmetros de funcionamento do motor para permitir a regeneração passiva (por exemplo, mudanças de velocidade superiores).

18. O meu veículo tem um filtro de partículas?

Os nossos veículos com motores a gasolina não têm atualmente filtros de partículas. Os nossos veículos com motores a gasóleo a partir da EU 4plus estão todos equipados com um filtro de partículas de gasóleo.

19. O WLTP afeta o preço do veículo?

Não estamos atualmente em condições de responder a esta questão.

20. Por que razão a Porsche não indica já atualmente o consumo de combustível de acordo com o WLTP? /Por que razão a Porsche não indicou o consumo de combustível de acordo com ambas as normas no passado?

Publicamos apenas a informação de CO2 e de consumo de combustível aprovada oficialmente. Uma vez que ainda não possuímos quaisquer modelos homologados de acordo com o WLTP no mercado, ainda não poderemos fornecer valores. Visto que as leis sobre as comunicações aos clientes ainda não foram adaptadas na data de início para o WLTP (01-09-2017), continuamos vinculados ao NEDC.

21. Tenho de submeter o meu Porsche antigo a um novo teste?

Não. Aplicam-se as provisões válidas no momento do registo.

22. O que tem a ver com o PPF a alteração/homologação de acordo com o WLTP?

Essencialmente, nada. O filtro de partículas de gasolina está relacionado com a conformidade com os valores limite do RDE (Real Driving Emissions - Emissões em condução real).

23. Qual a diferença entre o NEDC 1.0 e o NEDC 2.0?

Os valores do NEDC 1.0 foram determinados através dos métodos de teste NEDC anteriores. Com o NEDC 2.0, os veículos já recebem a tipologia de acordo com a norma WLTP; os valores NEDC aí indicados derivam (estão correlacionados com) do WLTP. No período de transição, até 2021, estes valores serão utilizados para os cálculos da frota de CO2.

24. Qual é o consumo real de combustível do meu veículo (nem NEDC nem WLTP)?

O consumo de combustível individual real depende de uma vasta variedade de fatores (por exemplo, temperatura ambiente, situação do trânsito, estilo de condução, pressão de inflação, altitude, inclinação, vento traseiro/de frente, etc.). No entanto, presume-se que o WLTP forneça valores mais realistas de emissões de CO2 e consumo de combustível..